Apple faz muito barulho por nada: iTunes LP, ringtones baratos e novos iPods

by Miguel Caetano on 9 de Setembro de 2009

Toda a gente sabe que a Apple é perita em gerar um buzz extraordinário à volta de eventos que depois se vai a ver não representam mais do que oportunidades para fazer meros retoques na sua linha de produtos de hardware e software. O evento que teve lugar esta tarde em São Francisco não foi excepção. Creio que o principal motivo de interesse foi mesmo a aparição em público de Steve Jobs pela primeira vez desde muitos meses devido ao transplante fígado a que foi sujeito.

Exceptuando isto, a principal novidade foi de facto a apresentação do iTunes LP, um novo formato de álbum digital que a Apple já vinha a desenvolver desde há algum tempo sob o nome de código Cocktail. Como já se sabia, cada álbum virá com notas interiores, fotografias, vídeos e conteúdos adicionais. O pior é que o preço deverá ser bem puxado. A Gizmodo avança com um valor na casa dos 20 dólares ao passo que a Billboard refere 17 dólares.

Seja como for, o montante pedido é uma exorbitância se tivermos em conta que pelo menos por agora não existe qualquer compatibilidade entre um iTunes LP e um iPhone ou iPod Touch. Entre os artistas já com iTunes LPs disponíveis contam-se Bob Dylan, Norah Jones, The Doors e Dave Matthews Band. Quem quiser adquiri-los já pode encontrá-los na loja do Itunes mas primeiro terão que actualizar para o iTunes 9. A ideia da Apple é que os artistas e as editoras possam ter acesso às ferramentas necessárias para criarem eles próprios os seus álbuns interactivos.

Tal como já se suspeitava, os utilizadores norte-americanos vão poder passar a adquirir ringtones ou toques para telemóveis prontos a usar a um “preço simpático” – na óptica das grandes editoras – de 1,29 dólares. Inicialmente, estarão disponíveis 30 mil toques. Outra novidade “assim assim” da Apple no campo da música é a introdução de 12 novas playlists temáticas baseadas no motor de recomendação de música Genius do iTunes que irão sugerir temas baseados em determinados estilos musicais (Alternative Mix, Classic Rock Mix, etc.) a partir das músicas que se encontram no disco rígido dos utilizadores.

Segundo Steve Jobs, actualmente a funcionalidade Genius já é usada em mais de 27 milhões de bibliotecas de música do iTunes, cada uma contendo uma média de duas mil faixas. Por isso a Apple decidiu agora alargar o conceito para a recomendação de aplicações para o Iphone de acordo com as aplicações que o utilizador já instalou no seu telemóvel. A respeito das populares apps, Jobs anunciou que até hoje já foram descarregadas mais de 1,8 mil milhões, contando com as actualizações.

A última novidade no campo do software e do iTunes em especial diz respeito à introdução de um novo sistema de navegação, novas páginas de artista e música, inclusão de funcionalidade sociais como o envio de downloads de música a amigos via Twitter e Facebook sob a forma de presentes, bem como a funcionalidade Home Sharing que, tal como o nome indica, permite que os utilizadores do iTunes partilhem músicas e conteúdos vídeo numa rede doméstica até um máximo de cinco computadores.

Finalmente, no que toca a leitores de música portátil, Jobs anunciou uma nova linha de iPods Nano que virão com uma câmara de vídeo incluída (juntamente com microfone e colunas). Esta era uma funcionalidade que muitos analistas e jornalistas esperavam que fosse incluída no iPod Touch mas mais uma vez a marca da maçã trocou-lhe as voltas. No entanto, esta linha de iPods também sofreu algumas melhorias como a introdução de uma nova versão de 64 GB e um desempenho 50 por cento mais rápido.

Quem pensava que o iPod Classic ia desta para melhor deve ter ficado surpreendido: a Apple voltou a subir a parada com o relançamento de um modelo 160 GB para além do até agora topo de gama de 120 GB. Em jeito de resumo: mais uma vez a Apple conseguiu não só fazer muito barulho por nada como também fazer com que os meios de comunicação social e a blogosfera passassem a tarde e o início da noite toda de hoje a comentarem meros retoques de pormenor. Parabéns para Steve Jobs, um autêntico génio do marketing :-)

Bookmark e Compartilhe

{ 2 trackbacks }

Quem precisa dos Beatles na loja do iTunes se eles já estão nas redes de P2P? :: w a z z u p
11 de Setembro de 2009 às 11:58
Music News
16 de Outubro de 2009 às 18:36

{ 6 comments }

1 Sua fonte de música! 10 de Setembro de 2009 às 4:49

Apple faz muito barulho por nada: iTunes LP, ringtones baratos e novos iPods http://migre.me/6I2f

2 Sua fonte de música! 10 de Setembro de 2009 às 6:49

Apple faz muito barulho por nada: iTunes LP, ringtones baratos e novos iPods http://migre.me/6I2f

3 shuanz 26 de Novembro de 2009 às 23:44
4 Renata Almeida 29 de Novembro de 2009 às 1:38

Comments on this entry are closed.

Previous post:

Next post:

google - ukash - buruncerrahisi.com - burunestetik.de - geciktirici ilaç