Twisten.fm – a nova coqueluche musical do Twitter

by Miguel Caetano on 15 de Fevereiro de 2009

Twisten.fm Não demorou muito tempo para que o artigo que eu escrevi na quinta-feira sobre o Twitter, a música e os músicos ficasse desactualizado. Logo na sexta-feira, dia 13, a Grooveshark lançou o Twisten.fm, um serviço de música online bastante parecido com o Blip.fm – que recentemente foi alvo de rumores algo infundados sobre o seu possível desaparecimento – na medida em que ambos constituem plataformas de microblogging especializadas em música que também dão música ao Twitter.

Enquanto que o Blip.fm utiliza a base de dados do motor de busca de MP3s Seeqpod para encontrar as músicas que nós procuramos, o Twisten recorre à base de dados do Grooveshark Lite. ´Tanto num caso como noutro, este esquema permite evitar todas as eventuais complicações relacionadas com licenciamentos e a violação de direitos de autor na medida em que todos os ficheiros se encontram alojados noutros locais da Web – se bem que esta desculpa não tenha dissuadido a Warner Music de processar o Seeqpod

A ideia é dar a conhecer aos nossos contactos a música que estamos a ouvir num determinado momento através da publicação de um link. Quem clicar nesse link será automaticamente conduzido para a página da música no Grooveshark Lite onde a poderão escutar.
 Um inconveniente do Twisten é que para utilizá-lo é necessário efectuar registo com o nome de utilizador e a palavra-passe da nossa conta do Twitter. Por outro lado, isso tem uma vantagem pois permite obter automaticamente uma lista de todas as músicas partilhadas anteriormente pelas pessoas que nós seguimos no Twitter e ouvi-las directamente ali a partir de um leitor bastante simples. Podemos ainda marcá-las como favoritos, enviá-las a amigos ou fazer retweet delas.  

Embora reconheça algumas falhas no serviço, Paul Lamere do Sun Labs considera que o Twisten.fm poderá ser a maior aplicação de música online deste ano. Pessoalmente, continuo a preferir o Blip.fm. Mais do que não seja, pelo facto de o Seeqpod contar com uma base de dados mais vasta e diversificada do que a do Grooveshark Lite.

Bookmark e Compartilhe

Artigos relacionados:

  1. Blip.fm, o ‘Twitter da música’, libera API
  2. Hype Machine lança Technorati musical do Twitter
  3. Musebin: a crítica de música comprimida ao estilo Twitter
  4. playTwitter: como ouvir música a partir do site do Twitter
  5. Grooveshark introduz streaming de música online

{ 2 comments }

1 Gerson 17 de Fevereiro de 2009 às 1:12

Muito bom isso… está cada vez ficando melhor… a música realmente movimenta o mundo…

2 ZigBitencourt 17 de Fevereiro de 2009 às 18:26

E aí, Miguel, conhece já a Tuitersfera?
http://overjobs.blogspot.com/2009/02/latitude-do-

Comments on this entry are closed.

Previous post:

Next post:

google - ukash - buruncerrahisi.com - burunestetik.de - geciktirici ilaç